As agressões a Yoani Sánchez no Brasil da democracia petista

Por: Lourinaldo Teles Bezerra / Publicado em calabarescreve.blogspot.com.br

yoani-sanchezFugindo temporariamente do submundo em que vive em Cuba, a blogueira Yoani Sánchez começou sua viagem pelo Brasil (Salvador e Feira de Santana), um país supostamente democrático, mas vivendo sob um pesadelo por causa das ações deletérias de vermes pseudo-comunistas que militam em duas fossas negras chamadas Partido Comunista do Brasil, PC do B e Partido dos Trabalhadores, PT. Essas duas legendas representam tudo o que de mais arcaico e anacrônico existe no Brasil e no mundo. Essas duas porcarias encarnam a frustração dos jurássicos ativistas de esquerda, que no passado tentaram, sem sucesso, implantar aqui uma filial das masmorras ideológicas da Cortina de Ferro estabelecidas por Lênin e Stalin na URSS e seus satélites condenáveis.

Semana passada, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, São Paulo, oito espiões cubanos devidamente equipados com aparelhos de escutas e outros do tipo foram presos por agentes da Polícia Federal e encaminhados para serem interrogados na sede da PF aqui em São Paulo. Quase que imediato a Casa Civil da Presidência da República enviou uma ordem incisiva mandando soltar de imediato os ” oito cidadãos cubanos” a serviço do seu regime de torturas e prisões medievais castristas.

Hoje, Yoani Sánchez, na cidade baiana de Feira de Santana, a convite do prefeito daquele município, em sua primeira manifestação cultural e demonstrativa da realidade miserável em que se encontra sua pátria, Cuba, sob a tirania de dois carrascos sanguinários, foi impedida através da prática desprezível de militantes daquelas duas cloacas que representam o atraso político e social, como eu já disse, no Brasil e no mundo. A democracia, tão cantada em verso e prosa pelos mentirosos que detém o poder atualmente no Brasil, foi vilipendiada nesse ato de vilania produzido por esses malcheirosos representantes da petulância castrista atuando no Brasil através do PT e desse anão político que é o PC do B, de triste memória para os brasileiros.

Tivéssemos aqui uma verdadeira presidente da República, e não uma lacaia de baixo preço da ditadura cubana e esses atos repugnantes jamais seriam encetados contra uma visitante. De nada adiantam as agressões contra a blogueira valente e corajosa. A realidade de pobreza e degeneração da sociedade cubana não mudará. Não adianta quererem tapar o sol com uma peneira, porque nada mudará o estado de abandono e desprezo cem que vive o pobre povo da ilha-prisão do caribe. Mais do que nunca, fica demonstrado que a intolerância desses trogloditas vermelhoides se dá por não conseguirem deixar de mentir sobre o estado calamitoso em que vivem milhões de coitados segregados cubanos. Por mais que queiram empanar a verdade sobre Cuba, ela estará clara e crua perante as pessoas inteligentes que sabem ler e tirar suas conclusões a partir de reportagens feitas e divulgadas mundo a fora sobre as reais condições de vida dos cubanos.

che-guevara-assassinoQuando as forças de repressão da URSS matavam, torturavam ou mantinham em Gulags prisioneiras as pessoas que não concordavam com seus métodos cruentos, ficavam muito evidentes os métodos medievais por eles praticados. Quando a proibição a viagens ao exterior de seus cidadãos era divulgada em matérias jornalísticas em todo o mundo os comunistas soviéticos não tinham como mentir para encobrir essa lamentável regra por ser evidente demais. Se alguém de fora se aventurava a viajar por algum país da Cortina de Ferro, era impedido de se dirigir ao interior do país para não constatar as reais condições que ali existia. Quando na URSS, o turista era vigiado dia e noite e não tinha permissão para se ausentar de Moscou ou de outra cidade em que iniciou sua visita. Era necessário uma permissão por escrito do comissário mais próximo e a companhia de um agente soviético junto à turma de turistas que fariam a excursão, limitada a até certo ponto do mapa da URSS.

Numa viagem de trem empreendida pelo ex-presidente Jânio Quadros (segundo relatou em um debate pré-eleitoral), através daquela imensa federação de países conquistados á bala, percorreu toda a extensão da ferrovia Trans-siberiana e pôde ver a pobreza que existia no interior remoto da URSS, país tão enaltecido por sua “grandeza” e a “riqueza de seu povo” como nação “socialista.” Os comunistas tinham a petulância de dizer que na URSS havia uma democracia, a “democracia comunista”. Depois da queda do muro de Berlin e da demolição da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas é que se pôde verificar as monstruosas mentiras que camuflavam a realidade ali existente. Jânio disse que viu inúmeras pessoas de pés enrolados em panos grossos para suportarem o tremendo frio siberiano, já que não dispunham de botas ou sapatos.

129_2234-alt-wwwDa mesma maneira que na URSS, em Cuba não se faz diferente. As mentiras oficiais são mantidas a ferro e a fogo, ou como acontece hoje no Brasil com a visita de Yoani Sánchez, com as agressões – por enquanto orais – contra a nossa visitante e denunciadora da miséria cubana. É repugnante constatar que as agressões contra a blogueira são patrocinadas pelo governo federal brasileiro a serviço dos tiranos malcheirosos de Cuba. Isso causa uma revolta imensa a todos aqueles que respeitam os direitos civis dos seres humanos livres. Não é possível que em pleno século XXI práticas condenáveis como essas ainda sejam permitidas. Isso denigre a imagem de um Brasil que se auto proclama uma democracia e humilha a todos nós, que não sabemos dar garantias para que uma visitante seja protegida dos algozes que a perseguem por onde vá. É lamentável e repugnante!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s