Ah, Vai ter copa sim!

Por Leo Nerys

NÃO VAI TER COPA

Estamos a poucos dias da copa, e já está tudo preparado. Contrariando o que disseram os pessimistas, seu governo, que como cuida de tudo, cuidou pra que esta fosse a mais bela festa de todas. Os turistas já estão chegando, e terão os melhores aeroportos do mundo para recebê-los. As estradas estão impecáveis, verdadeiros tapetes. Nem uma inspeção minuciosa vai achar falhas e buracos. O transporte de massas, melhor do que nunca. Graças ao pequeno número de empresários ligados ao governo que limita a concorrência no setor, a qualidade do serviço é mantida no mais alto padrão e a população não sofre com problemas internos específicos (greves, por exemplo). Ainda precisamos pagar por ele, mas o pessoal do Tarifa Zero já está cuidando pra que ele seja gratuito e de qualidade.

A segurança pública? Muito bem, obrigado por perguntar. Todos se sentem seguros por viver num ambiente social saudável, o que se reflete nos baixíssimos índices de criminalidade (que inclusive nos renderam fama internacional). Ninguém precisa blindar os carros, reforçar as trancas, aumentar os muros. Armas de fogo por aqui são proibidas, não precisa se preocupar com elas. Não existe um serviço de seguro de veículos, porque não há demanda (roubos são quase inexistentes, o que é comum são motoristas que acidentalmente levam os carros errados). A nossa honrada e honesta polícia fez uma brincadeira, uma demonstração (não há uma insatisfação que justifique uma greve séria): Pararam pra de trabalhar por alguns dias em alguns estados. Nada de grave aconteceu.

É claro que nada disso seria possível sem uma educação de qualidade, que o seu governo que tão bem te quer trata de regulamentar pra garantir que ande tudo em ordem. A saúde é um dos nossos maiores orgulhos: Pública e de qualidade! Somos o único país do mundo em que não é necessário pagar por um plano de saúde privado e caro, sustentando gananciosos empresários exploradores, porque aqui a saúde funciona e é de graça! Dá até vontade de ficar doente, sabe, só pra ser tratado por uma daquelas belas enfermeiras do SUS.

O resultado de toda essa ordem e qualidade de vida só poderia ser uma população produtiva e uma economia em constante crescimento. Passamos pela crise sem um arranhão! Graças às constantes intervenções governamentais (que só ajudam), os investidores internacionais estão deixando de investir no país (não podem competir com a indústria nacional). O governo tem um setor especial para a criação de empregos. Basicamente ele gera os empregos, independente das demandas do mercado. Os preços dos produtos, fruto de um mercado sem a competição predatória e a ganância capitalista, só caem. O custo de vida é um dos mais baixos do mundo. A inflação está sob controle e os pobres têm cada vez mais dinheiro. A abundância de recursos aqui beira o surreal, o absurdo. Não é exagero nenhum dizer que aqui o dinheiro cai do céu. Somos capazes de financiar obras em outros países em gestos de solidariedade que são uma demonstração de abundância material e de satisfação (não precisamos de quase nada por aqui). Temos o Bolsa Família, que basicamente dá aos pobres um pouco deste dinheiro da fonte eterna (que apenas para fins práticos, vamos chamar de “bolso dos outros”).

Mas, infelizmente, nem tudo é um mar de rosas. Nosso país tem alguns problemas sérios pra serem resolvidos, como o fumo de cigarros mentolados, os testes de produtos de higiene pessoal em cães, a educação doméstica das crianças, e o pior de todos: As cantadas que as mulheres atraentes recebem na rua.

Não sei se você leu até o fim o monte de bobagens que eu escrevi (há sempre a chance de alguém ter levado isso a sério, se for o seu caso procure um psiquiatra), mas a verdade é que independente de como esteja o país, vai ter copa sim, e não adianta chorar pelo dinheiro desviado. Vai ter copa sim, e não adianta chorar e fazer protesto depois dos bilhões gastos e dos estádios construídos. Estamos sendo ridicularizados há anos, quando no ato da nomeação fomos chamados de pessimistas por não acreditar que o Brasil com seus problemas amontoados seria capaz de sediar uma copa do mundo. Agora é a sua vez de ser ridicularizado, você do #Nãovaitercopa. Ah, vai ter copa sim, e eu sei que você provavelmente é um dos que vai assistir a todos os jogos.

* As opiniões acima são do articulista, nem sempre representam as opiniões do blog Estadofobia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s